terça-feira, dezembro 20, 2011

E ASSIM TERMINA 2011

Ainda é timida a revolta, mas com certeza em 2012 tomaremos corpo. Deus permita
Todo omisso é um conivente com a corrupção.
Acorde e não permita que os canalhas que tomaram de assalto esse país continuem impunes.

quarta-feira, setembro 21, 2011

Ou para a roubalheira ou paramos o Brasil

Por Nelio Rocas
Então estamos aqui, conseguimos dar mais um passo para o resgate definitivo de nossa cidadania. O povo acordou, já não suporta mais a submissão que lhe foi imposta décadas a fio. Sofremos juntos por muitos anos pelos brasileiros que morriam nas filas de hospitais sem atendimento por falta de condições mínimas de operacionalidade. Assistimos indignados jovens serem jogados e entregues ao tráfico de drogas e a criminalidade por falta de cumprimento de um dos mais sagrados direitos constitucionais, a educação. Convivemos perplexos com a dura realidade de ver professores, bombeiros e médicos (para não estender a lista fico por aqui) serem tratados como profissionais absolutamente dispensáveis ao cumprimento das obrigações do estado brasileiro. Catatônicos, recebemos por anos as noticias que nos humilhavam e nos reduziam a gado, massa de manobra e insignificantes seres que mais pareciam escravos usados apenas para produzir com nossa força de trabalho e recolhimentos de impostos às riquezas que por anos eram prometidas em divisão quando do crescimento do bolo. Vimos e vivemos momentos de vergonha, ao presenciar um analfabeto e despreparado se expor ao mundo como líder de uma nação tão grandiosa como a nossa. Aceitamos passivamente fatos lamentáveis protagonizados por um verme chamado José Dirceu, chefe de quadrilha, bandido da pior espécie, sócio da maior corja de traficantes da América latina, assaltar impiedosamente nossos cofres. Tivemos que aceitar a nomeação como assessor especial do ministério da defesa de nosso país um guerrilheirozinho de MERDA, senhor José Genoíno, delator de seus companheiros de guerrilha, sem ao menos poder dizer ao mundo que aquele verme não era o retrato e a melhor descrição do povo brasileiro.
Tudo isso nos foi imposto por absoluta falta de vergonha de nossa parte. Sempre achamos que “um dia a coisa terminaria bem” e que tudo não passava de um equivoco de escolha eleitoral de nossa parte. Elegemos presidente da república, uma senhora incompetente, omissa, subserviente a seus monstros criadores, mas achávamos que “tudo ia dar certo no final”. Vimos recentemente uma deputada federal, senhora Jaqueline Roriz, filha de um verme conhecido, ladrão de alcova, e formador de quadrilha, ser absolvida por seus pares na câmara pelo crime de corrupção ativa. Dona Jaqueline foi flagrada com a mão na ratoeira, de forma sórdida e cínica embolsando cinquenta mil reais, fruto de corrupção.
Esses fatos por si deflagraram um sentimento de revolta e indignação em nosso povo, e despertaram a ira que guardada em nosso subconsciente, gritava por nossa reação. E nós acordamos, acordamos sim, acordamos com vontade, Com a força e coragem, com a disposição de dizer basta, chega, não queremos mais ser tratados assim.
Acordamos e dissemos: “Queremos respeito”, queremos decidir quem fica e quem sai. Queremos dizer cadeia aos vermes que nos subjugaram por todos esses anos. Não suportamos mais esse estado de subserviência que nos foi imposto. Vamos para a rua, vamos gritar para o mundo inteiro ouvir que somos responsáveis por essa BAGAÇA e que a partir de agora somos nós que vamos dar as cartas.
 O jogo terminou para vocês, vermes infames, nefasto de quinta, que travestidos de pai dos pobres e comandados pelos bandidos maiores, Luiz Inácio Lula Da Silva e José Dirceu, praticaram o maior assalto aos cofres desse país, causando danos gravíssimos a nação e seus verdadeiros donos, os brasileiros.
O povo esta nas ruas e é inexorável a derrota do mal. Ontem dia 20 de setembro de 2011, o povo carioca decidiu aderir ao tom dado por nossos irmãos de Brasília e decidiu com força e com coragem que a “farra do boi” terminou, e que de agora em diante queiram esses péssimos políticos ou não, a roubalheira terminou. Foi um primeiro recado, modesto, simples, sem grandes coberturas da mídia oportunista comandada pelo sistema Globo, porém foi forte, bateu no peito, e com certeza fez despertar o medo no inconsciente desses seres sem pudor e sem vergonha.
Tá dado o recado, a pauta foi tirada em consenso, será encaminhada aos ainda decentes políticos no congresso nacional, e terá que ser observada. Nós somos os patrões, somos os acionistas dessa promissora empresa chamada Brasil, e se for o último recurso, faremos valer mais uma vez nosso direito de tirar de onde pusemos os que ousarem nos desafiar.  Não devem duvidar da seriedade do povo esses senhores. Para o bem do estado democrático de direito e de suas chances ainda existentes de sobrevivência politica (falo dos ainda decentes). Acordamos e pusemos o “bloco na rua” para dizer de nossa revolta, e agora só lhes resta respeitar nossa vontade, que será expressa tantas quantas vezes for necessário.
Parabéns ao povo do Rio De Janeiro, que fez de um limão, quatro mil caipirinhas.
O Rio de janeiro continua lindo. O Rio sempre foi conhecido como a cidade das lindas praias, gente bonita, samba, futebol, alegria, e agora mostrou para o mundo inteiro que tem gente responsável e preocupada com os destinos e com o futuro de nosso país.

Nélio Rocas é editor do Canal R&R Foco no Fato.

segunda-feira, setembro 19, 2011

Nome aos bois - A lista dos #imundos do mensalão e suas defesas

Por Nélio Roças

NÃO DEVEMOS ESQUECER DOS VERMES LISTADOS ABAIXO. CHUPINS DE QUINTA, QUE USARAM E ABUSARAM DO EXERCICIO DO ILICITO E DA DESFAÇATEZ DE ROUBAR SEM PUDOR E A LUZ DO DIA, CERTOS DA IMPUNIDADE. COM O COMANDO DO GUERRILHEIROZINHO DE BOSTA ZÉ RUELA DIRCEU (MATADOR DE PREFEITOS), NOS ACHINCALHARAM E NOS SACANEARAM. AGORA É A HORA DE DARMOS TROCO!

Nélio Rocas é Analista de Sistemas e Editor do Canal R&R Foco no Fato

EIS A LISTA E AS ACUSAÇÕES CONTRA OS #IMUNDOS

Anderson Adauto (ex-ministro dos Transportes) – Corrupção ativa (dois a 12 anos de reclusão e multa) e lavagem de dinheiro (três a dez anos de reclusão e multa). Para sua defesa foram usadas 32 páginas.

Anita Leocádia (ex-assessora do deputado Paulo Rocha) – Lavagem de dinheiro (três a dez anos de reclusão e multa). Sua defesa tem 35 páginas.

Antônio Lamas (irmão de Jacinto Lamas) – A PGR pede sua absolvição por falta de provas. Sua alegação final de defesa conta com 14 folhas.

Ayanna Tenório (ex-vice presidente do Banco Rural) – Responde pelo crime de gestão fraudulenta de instituição financeira (pena varia de três a 12 anos de reclusão e multa), lavagem de dinheiro (três a dez anos de reclusão e multa) e formação de quadrilha (um a três anos). Sua defesa final tem 384 páginas.

Breno Fischberg (ex-sócio da corretora Bônus-Banval) – A PGR quer sua condenação pelos crimes de formação de quadrilha (pena de um a três anos), lavagem de dinheiro (três a dez anos de reclusão e multa). A defesa ficou com 221 páginas.

Carlos Alberto Quaglia (operador de câmbio) – A PGR quer sua condenação por formação de quadrilha (pena de um a três anos de reclusão). Ele também responde por incorrer sete vezes em crimes de lavagem de dinheiro (três a dez anos de reclusão e multa). Sua defesa, de 14 páginas, foi elaborada pela Defensoria Pública da União.

Carlos Alberto Rodrigues Pinto (bispo Rodrigues, ex-deputado) – Responde pelo crime de corrupção passiva (pena de dois a 12 anos e multa) e por lavagem de dinheiro (três a dez anos de reclusão e multa). Defesa conta com 169 páginas.

Cristiano Paz (ex-sócio de Marcos Valério) – A PGR quer sua condenação por dois crimes de corrupção ativa (dois a 12 anos de reclusão e multa), formação de quadrilha (um a três anos), evasão de divisa (dois a seis anos de reclusão), peculato (dois a 12 anos e multa) e lavagem de dinheiro (três a 10 anos e multa). A defesa tem 270 páginas.

Delúbio Soares (ex-tesoureiro do PT) – Responde por formação de quadrilha (uma a três anos e multa), e corrupção ativa (dois a 12 anos de detenção e multa). A defesa foi redigida em 136 folhas.

Duda Mendonça (ex-marqueteiro do PT) – A PGR quer sua condenação pelos crimes de lavagem de dinheiro (três a dez anos de reclusão e multa) e evasão de divisas (dois a seis anos e multa). Sua defesa conta com 32 páginas e é feita conjuntamente com a de Zilmar Fernandes da Silveira.

Emerson Eloy Palmieri (ligado a Roberto Jefferson) – Incorreu, segundo o MP, nos crimes de corrupção passiva (dois a 12 anos de reclusão e multa) e lavagem de dinheiro (três a 10 anos de detenção e multa). Sua defesa conta com 23 páginas.

Enivaldo Quadrado (dono da corretora Bônus-Banval) – Formação de quadrilha (dois a 12 anos de reclusão e multa) e lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa). A defesa, feita em conjunto com a de Breno Fischberg, tem 221 páginas.

Geiza Dias (ex-funcionária de Marcos Valério) - Lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa), corrupção ativa (dois a 12 anos), formação de quadrilha (um a três anos), evasão de divisas (dois a seis anos de reclusão). A defesa tem 10 páginas.

Henrique Pizzolato (ex-diretor de marketing do Banco do Brasil) – A PGR quer sua condenação pelos crimes de peculato (dois a 12 anos de reclusão e multa), corrupção passiva (dois a 12 anos e multa), lavagem de dinheiro (três a 10 anos e multa). Sua defesa conta com 93 páginas.

Jacinto Lamas (irmão de Antônio Lamas) - Formação de quadrilha (um a três anos de reclusão), lavagem de dinheiro (três a 10 anos e multa), corrupção passiva (dois a 12 anos e multa). Defesa de 50 páginas.

João Claudio Genu (ex-assessor da liderança do PP) - Formação de quadrilha (reclusão de um a três anos), corrupção passiva (dois a 12 anos e multa) e lavagem de dinheiro (três a 10 anos e multa). A defesa tem 47 folhas.

João Magno (ex-deputado PT-MG) - Lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa). Fez sua defesa em 14 páginas.

João Paulo Cunha (ex-presidente da Câmara) - Lavagem de dinheiro (três a 10 anos e multa), corrupção passiva (dois a 12 anos e multa) e peculato (dois a 12 anos e multa). Usou 523 folhas para fazer sua defesa.

José Borba (ex-deputado PMDB-PR) - Corrupção passiva (dois a 12 anos e multa); Lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa). Sua defesa tem 32 páginas.

José Dirceu (ex-ministro Chefe da Casa Civil) - Corrupção ativa (dois a 12 anos e multa), formação de quadrilha (um a três anos de reclusão). Os argumentos de defesa ocupam 162 páginas.

José Genoino (Ex-presidente do PT e atual assessor do ministro da Defesa Nelson Jobim) - Corrupção ativa (dois a 12 anos e multa); formação de quadrilha (um a três anos de reclusão). Sua defesa tem 161 páginas.

José Janene – Falecido.

José Luiz Alves (ex-diretor financeiro do ministério dos Transportes) - Lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa). Sua defesa foi feita em 30 páginas.

José Salgado (ex-vice-presidente do Banco Rural) - Gestão fraudulenta (pena varia de três a 12 anos de reclusão e multa), lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa), formação de quadrilha (um a três anos de reclusão) e evasão de divisas. Sua defesa foi feita em 284 páginas.

Kátia Rabello (ex-presidente do Banco Rural) - Gestão fraudulenta (três a 12 anos de reclusão e multa), lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa), formação de quadrilha (um a três anos de reclusão) e evasão de divisas (dois a seis anos de reclusão e multa). Sua defesa tem 223 páginas.

Luiz Gushiken (ex-secretário de Comunicação Social da Presidência da República) – Absolvido pela PGR em suas alegações finais por falta de provas, fez sua defesa em 19 páginas.

Marcos Valério (acusado de ser operador do esquema e dono de agências de publicidade) - Corrupção ativa (dois a 12 anos e multa); peculato (dois a 12 anos e multa), lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa), formação de quadrilha (um a três anos de reclusão) e evasão de divisas (dois a seis anos de reclusão e multa). Foram usadas 149 páginas para a redação de sua defesa.

Paulo Rocha (ex-deputado PT-PA) - Lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa). Sua defesa tem 38 páginas.

Pedro Corrêa (ex-presidente do PP) - Formação de quadrilha (um a três anos de reclusão), corrupção passiva (dois a 12 anos e multa) e lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa). A defesa conta com 98 páginas.

Pedro Henry (ex-deputado PP-MT) - Formação de quadrilha (um a três anos de reclusão), corrupção passiva (dois a 12 anos e multa) e lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa). A defesa tem 42 páginas.

Professor Luizinho (ex-deputado pelo PT-SP) - Lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa). A defesa foi escrita em 126 páginas.

Rámon Hollerbach (ex-sócio de Marcos Valério) - Corrupção ativa (dois a 12 anos e multa), peculato (dois a 12 anos e multa), lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa), formação de quadrilha (um a três anos de reclusão), evasão de divisas (dois a seis anos de reclusão e multa). A defesa tem 51 páginas.

Roberto Jefferson (ex-deputado e delator do esquema) - Corrupção passiva (dois a 12 anos e multa) e lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa). A defesa, mais extensa dentre os réus, conta com 1632 páginas.

Rogério Tolentino (apontado pelo MP como sócio Marcos Valério) - Lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa), corrupção ativa (dois a 12 anos e multa) e formação de quadrilha (um a três anos de reclusão). A defesa tem 23 páginas.

Romeu Queiroz (ex-deputado federal e atual deputado Estadual em Minas Gerais) - Corrupção passiva (dois a 12 anos e multa) e lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa). A defesa tem 15 páginas.

Silvio Pereira (ex-secretário Geral do PT) – Está fora do processo pois fez acordo e cumpriu pena alternativa.

Simone Vasconcelos (ex-gerente financeira de uma das agências de Marcos Valério) - Lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa), corrupção ativa (dois a 12 anos e multa), formação de quadrilha (um a três anos de reclusão) e evasão de divisas (dois a seis anos de reclusão e multa). Sua defesa foi redigida em 75 páginas.

Valdemar da Costa Neto (ex-presidente do PL) - Formação de quadrilha (um a três anos de reclusão), lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa) e corrupção passiva (dois a 12 anos e multa). A defesa tem 169 páginas.

Vinícius Samarane (ex-diretor do Banco Rural) - Gestão fraudulenta (três a 12 anos de prisão e multa), lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa), formação de quadrilha (um a três anos de reclusão) e evasão de divisas (dois a seis anos de reclusão e multa). Sua defesa conta com 138 páginas.

Zilmar Fernandes (sócia de Duda Mendonça) - Lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão e multa) e evasão de divisas (dois a seis anos de reclusão e multa). Sua defesa, redigida conjuntamente com a de Duda Mendonça, conta com 32 páginas.

segunda-feira, agosto 29, 2011

Freire: O Brasil tocado em tom menor

Por: Roberto Freire no Brasil Econômico
Transcrito Portal Nacional do PPS

Lançado como importante instrumento de competitividade de nossa indústria, o programa "Brasil Maior", urdido pelo Ministério da Fazenda, sob a regência de Guido Mantega e apresentado como a política industrial do governo Dilma - mas buscando, basicamente, produzir uma agenda positiva em um governo subordinado, cotidianamente, à agenda da corrupção - começa a fazer água e a despertar a desconfiança de setores que seriam beneficiados com o plano.
Descobriram os empresários dos setores calçadista, moveleiro e têxtil que poderiam arcar com uma carga tributária maior pelo fato de a proclamada desoneração da folha ser acompanhada da elevação do imposto sobre o faturamento bruto dessas empresas.
Simplesmente porque a fórmula mágica que foi apresentada, segundo estudos das assessorias econômicas de tais setores, não representa desoneração real, como alardeado pela própria presidente Dilma Rousseff. Ao contrário, em alguns casos, haverá até mesmo o pagamento de mais impostos.
Este é o resultado de uma política industrial feita no afogadilho, que não tem por finalidade resolver os reais problemas da indústria: falta de infraestrutura física e humana, alta carga tributária, juros escorchantes, taxa de câmbio que ajuda os importadores, etc. São causas profundas de nossa perda de competitividade internacional.
Em vez de se preocupar com isso, o governo quer é produzir boas notícias, buscando reproduzir a estratégia midiática de seu antecessor. Fiel a seu mestre, a presidente Dilma prefere o faz-de-conta da publicidade ao enfrentamento das verdadeiras causas dessa situação.

Um dos motivos apontados pelos representantes desses setores que tornam inócuas as medidas do governo é que as indústrias escolhidas para fazer parte do projeto-piloto de desoneração da folha de pagamento são as que mais enfrentam concorrência de importados, barateados pelo generoso câmbio que tem apreciado nossa moeda, esse sim um problema real.
Além isso, dois preocupantes fenômenos ocorrem sem chamar a devida atenção do governo: nossa crescente dependência do mercado chinês, tornando-nos meros exportadores de matérias primas e de commodities, e os sinais vindos da indústria nacional, que deverá puxar para baixo o crescimento da economia nacional neste ano, por conta da política cambial do governo e da retração do consumo, fruto do cenário de incertezas que ronda a economia mundial nesse recrudescimento da crise de 2008.

Isso sem falar dos investimentos, que não estão se expandindo na velocidade e taxas projetadas, ao ponto de empresas de consultoria, como a Tendências, por exemplo, trabalhar com uma retração de 0,9% no segundo trimestre em relação ao primeiro. Assim, já foi revisto o crescimento do PIB do segundo trimestre de 1,1% para 0,7%, o que impactará negativamente o crescimento anual da nossa economia.
Enquanto a propaganda oficial trombeteia, em todos os tipos de mídia, os benefícios do Programa Brasil Maior, carro-chefe de uma pretendida política industrial do governo, a realidade é a crescente e silenciosa dependência da China e o contínuo processo de estagnação e declínio de nossa indústria.
Ao contrário do ufanismo do governo, o que vemos é um país sendo tocado em tom menor, com a incompetência gerencial tão marcante no lulodilmismo.
Roberto Freire é presidente do Partido Popular Socialista (PPS)
                         

                       Roberto Freire: Congresso  X  Planalto 

Todos juntos contra a corrupção
Local: Cinelândia.
Horário: terça, 20 de setembro de 2011 18:30

                                                         

quinta-feira, agosto 25, 2011

O que sei de Lula

                                                                                 
Em entrevista exclusiva aos colunistas migalheiros José Marcio Mendonça e Francisco Petros, o jornalista e poeta José Nêumanne Pinto comenta o lançamento de sua obra "O que sei de Lula".


Todos juntos contra a corrupção
Local: Cinelândia.
Horário: terça, 20 de setembro de 2011 18:30

terça-feira, agosto 23, 2011

O decrépito e sua ousadia

Por Nélio Roças
Imoralidade, desrespeito, abuso, cinismo. Esses são alguns dos muitos sinônimos que podemos relacionar a atitude do VELHACO presidente do senado José Sarney. Esse elemento decrepito, apoiou e avalizou um recurso impetrado no superior tribunal de Recursos da Primeira Região, que devolve os nababescos salários aos funcionários de Senado Federal. Salários que beiram os trinta mil reais. Você não esta lendo errado, eu disse trinta mil reais. É de um cinismo atroz, de uma crueldade e covardia que chegam a assustar. 
 Desde 1998 ficou determinado por lei que nenhum servidor de nenhum dos poderes constituídos do país poderia ter salário superior ao teto de 26.723,13, relativo aos salários dos ministros do Supremo Tribunal Federal.  Entretanto, o Senado Federal recorreu dessa determinação, e com o aval de seu presidente (José Velhaco Sarney) e com a decisão irresponsável do Tribunal Regional Federal da primeira região, que usando como argumento de que tal aumento era fundamental para a manutenção dos trabalhos naquela casa, restituiu os absurdos salarios aos funcionários do senado.
Essa atitude tomada em conluio pelos dois poderes envolvidos é uma ofensa ao povo brasileiro, beira ao deboche, e deixa mais exposta ainda a situação de desmando que nosso país mergulhou. É inadmissível que o presidente da casa que deveria dentre outras coisas zelar pelo encaminhamento de pautas de interesse do povo disponha-se a usar de sua influencia junto ao já também contaminado judiciário, para cuidar dos interesses de seus afilhados e dos afilhados de seus comparsas de ilicitudes. Sim, a maioria dos funcionários do Senado Federal e da Câmara de Deputados é composta por apadrinhados políticos, que em grande parte de seu corpo, sequer cumpre suas obrigações funcionais no que tange a comparecimento e horário de trabalho. Nem falemos de produção, pois seria exigir demais desses elementos sem qualquer compromisso com o povo, que diretamente é responsável pela geração de recursos para a manutenção da bagunça que se tornou o legislativo no Brasil.
Além de tudo isso, o mais assustador é que essa atitude do presidente do senado vem exatamente em um momento em que o povo começa a arregaçar as mangas e de forma uníssona clama por moralidade e respeito à coisa pública. Nesse exato momento o povo brasileiro se organiza para levar as ruas todo o clamor por justiça e pela instauração de um estado limpo e livre de corrupções. Tal atitude mais parece uma grande provocação, e recebera do povo a resposta implacável e dura. Não iremos assistir calados mais essa atitude nefasta e imoral.
Quanto ao senhor José Sarney, não muito mais a acrescentar além do que já é uma avaliação de domínio público: Trata-se de corpo em estado de putrefação moral, pessoa inescrupulosa, elemento danoso e com passagem das mais vergonhosas pela história política desse país.
Mas fica a esse senhor o alerta: Cuidado senhor dono do Maranhão, o povo acordou, esta nas ruas e inexoravelmente cobrara do senhor e de seus pares pelos danos que os senhores têm causado a nosso querido país.    
                                                              Todos juntos contra a corrupção
                                                                         Local: Cinelândia.
                                                 Horário: terça, 20 de setembro de 2011 18:30

segunda-feira, agosto 22, 2011

Chegou a hora do Rio acordar!

Por José Paulo Grasso
Engenheiro e Coordenador do Acorda Rio
A mídia do RJ apresenta para você, cidadão, um mundo imaginário onde tudo funciona. Metrô, escolas, hospitais, o trânsito, os serviços públicos e privados, a revitalização do porto, tudo é uma maravilha. Obras faraônicas são feitas à socapa, com o pretexto de sediarmos a Copa e a Olimpíada. Gastos absurdos em publicidade para sustentar esta fantasia. Afinal, qual é a sua realidade: a virtual ou este caos que é o Rio?
Conversando com os mais diversos grupos, apurei que eles achavam que estávamos melhorando. Quando instigados a explicarem o porquê desta afirmação, ninguém consegue apontar um setor ou algo que efetivamente justifique este otimismo. Até na segurança pública, com seus números maquiados, reina total incerteza porque a economia obviamente não está sendo revitalizada e até mesmo o secretário de segurança já afirmou que somente a presença de um policial armado não é suficiente para reverter o grande problema social criado por mais de meio século de incúria administrativa que levou a economia do Rio ao fundo do poço, acabando com a nossa qualidade de vida.
Esta má administração se perpetua, como todos nós podemos observar, nos recentes e diversificados escândalos que parecem não ter fim, o que deixa a sociedade estarrecida e paralisada. Grupos insatisfeitos surgem a cada dia com as mais variadas propostas dentro das diversas correntes existentes, o que só contribui para que não haja uma mobilização geral que organize um movimento contra este assalto aos cofres públicos. O que exatamente Estado e Município querem para se perpetuarem. E aí, vamos reagir ou continuar permitindo isto?
Ao invés de pequenos grupos distintos, devemos nos unir contra o inimigo comum que é este desgoverno que investe uma fortuna, descaradamente, para silenciar a mídia difundindo uma tremenda propaganda enganosa, ao invés de apresentar um projeto crível que nos leve a enxergar um futuro com qualidade de vida. Nem a máquina de propaganda da Alemanha nazista enganou tanto uma sociedade como aqui. Após os mais diversos escândalos o Governador elevou de R$ 55,7 para R$ 120,7 milhões a autorização para gastos com Comunicação e Divulgação, comprando o silêncio da mídia e garantindo a divulgação de uma realidade midiática virtual, que já vinha sendo sustentada em parceria com a prefeitura, que, por sua vez, aumentou sua verba publicitária em 9 000%.
A oportunidade é única e não pode ser desperdiçada. Temos pela frente uma Copa, Olimpíadas e a revitalização da área portuária. É importante lembrar que outros lugares, que tinham problemas iguais ou piores do que os nossos, conseguiram se reinventar e hoje são modelares. Não podemos desperdiçar isso como foi no Panamericano. Uma sociedade unida tem o poder de exigir um pacto de desenvolvimento socioeconômico, cultural e ambiental ao apresentar um projeto de curto, médio e longo prazos crível, com uma ancora óbvia, o turismo, nossa vocação natural considerada de forma unânime como a maior do mundo. Assim expandiremos a economia e todos se sentirão inseridos numa realidade ética, transparente e com elevados índices de qualidade de vida.
A atividade é considerada a maior indústria do mundo exatamente por desenvolver todos os mais diversos setores da sociedade simultaneamente, apresentando resultados no curtíssimo prazo. Ela permitirá promovermos aumento da renda per capita e a criação de, inicialmente, pelo menos dois milhões de novos empregos. Planejaremos juntos de forma ativa um plano diretor apoiado em metas plausíveis induzindo um desenvolvimento socioeconômico autossustentável, que apontará onde serão locadas as indústrias que serão atraídas, como se dará o crescimento sustentado da construção civil, como a cidade se preparará para receber mais de 25 milhões de visitantes anuais, como se dará a renovação de toda a infraestrutura de mobilidade urbana através de um aumento de arrecadação comprovado da atividade turística e, principalmente, como desenvolveremos e manteremos uma qualidade de vida única e autossustentável, recuperando os serviços públicos e privados.
Com isso, atrairemos todo o setor internacional de serviços, desenvolveremos nossa indústria criativa de forma excepcional e proporcionaremos uma participação ativa e democrática de toda a sociedade para que nossas belezas naturais e qualidade de vida se eternizem, incluindo toda a população, inclusive a mais desfavorecida.
Se você ler, entender e compartilhar, nós poderemos superar esta barreira midiática que impede que possamos nos unir por um futuro ético, transparente e pleno de qualidade de vida. Venha fazer parte ativa do movimento Acorda Rio www.acordario.com. Seja um membro, recomende aos amigos. Vamos fazer o nosso futuro com ética e qualidade de vida, porque unidos, nós podemos tudo!



Local: Cinelândia.

Horário: terça, 20 de setembro de 2011 18:30



quarta-feira, agosto 17, 2011

O PREPOTENTE

 

Por Paloma Amado, psicóloga, filha do escritor Jorge Amado; transcrito do Blog de Cláudia Wasilewski

Era 1998, estávamos em Paris, papai já bem doente, participara da Feira do Livro de Paris e recebera o doutoramento na Sorbonne, o que o deixou muito feliz.
De repente, uma imensa crise de saúde se abateu sobre ele, foram muitas noites sem dormir, só mamãe e eu com ele. Uma pequena melhora e fomos tomar o avião da Varig (que saudades) para Salvador.
Mamãe juntou tudo que mais gostavam no apartamento onde não mais voltaria e colocou em malas.
Empurrando a cadeira de rodas de papai, ela o levou para uma sala reservada. E eu, com dois carrinhos, somando mais de 10 malas, entrava na fila da primeira classe.
Em seguida chegou um casal que eu logo reconheci, era um politico do Sul (não lembro se na época era senador ou governador, já foi tantas vezes os dois que fica dificil lembrar).
A mulher parecia uma árvore de Natal, cheia de saltos, cordões de ouros e berloques (Calá, com sua graça, diria: o jegue da festa do Bonfim).
É claro que eu estava de jeans e tênis, absolutamente exausta. De repente, a senhora bate no meu ombro e diz: "Moça, esta fila é da primeira classe, a de turistas é aquela ao fundo."
Me armei de paciência e respondi: "Sim, senhora, eu sei."
Queria ter dito que eu pagara minha passagem enquanto a dela o povo pagara, mas não disse. Ficou por isso.
De repente, o senhor disse à mulher, bem alto para que eu escutasse: "Até parece que vai de mudança, como os retirantes nordestinos".
Eu só sorri. Terminei o check in e fui encontrar meus pais.
Pouco depois bateram à porta, era o casal querendo cumprimentar o escritor. Não mandei a putaquepariu, apesar de desejar fazê-lo. Educadamente disse não.
Hoje, quando vi na tv o Senador dizendo que foi agredido por um repórter, por isso tomou seu gravador, apagou seu chip, eteceteraetal, fiquei muito retada, me deu uma crise de mariasampaismo e resolvi contar este triste episódio pelo qual passei.
Só eu e o gerente da Varig fomos testemunhas deste episódio, meus pais nunca souberam de nada.

PS: O PREPOTENTE é o Senador Roberto Requião do Paraná.

ESSE SENHOR NÃO PODE SER ESQUECIDO........... 
Assista mais uma vez.................

sábado, julho 09, 2011

QUARENTA MENOS TRES, GENOÍNO FORA

Por Nélio Roças
O procurador geral da república, Roberto Gurgel entregou hoje suas conclusões quanto ao processo referente ao “MENSALÃO”. Nada diferente do que todos os brasileiros já esperavam. Exceto no que tange ao ex-secretário de comunicação do governo Lula, Luiz Gushiken, que inocentado, sai da vergonha do mensalão limpinho como água de fosso. Mas não custa lembrar que esse senhor tem em seu currículo coisas não muito bem explicadas, e outras tantas bem sintomáticas como, por exemplo, ter sido funcionário PELEGO do mal assombrado Banespa de 1979 a 1999, empresa que usou para alavancar suas mais abjetas vocações PELEGAS. Vocações essas que culminaram por levar esse senhor de origem não muito de raízes brasileiras a três legislaturas federais; nenhum preconceito acompanha esse pequeno comentário, POR FAVOR, senhores politicamente corretos.  O fato é que esse peleguinho ao invés de lutar como representante sindical, em seu tempo concedido por lei, contra o assalto promovido por outros IMUNDOS QUE HABITAVAM os porões do estado de São Paulo, usou de sua filiação a seita PETRALHA, para alavancar sua ascensão política.
Mas não é isso que quero enfatizar. O que realmente quero é lembrar é que dentre os trinta e sete dos quarenta ladrões de Ali Babá que restaram, dentre MORTOS E INOCENTADOS, sobrou um que ainda desfila nos altos escalões do governo federal. E o pior, ocupa cargo de alta confiança em um ministério que por definição deveria ser, e dar o exemplo de nacionalismo, cidadania e respeito, ordem e ao cumprimento da carta maior de nosso país. Estou falando do Ministério da Defesa, que abriga como assessor especial do chefe maior, o indecente Sr. José Genoíno. Homem sem o menor escrúpulo, pessoa envolvida em sua história com atuações inconfessáveis. Pessoa tida como DELATORA de parceiros de crimes. Homem que em sua família abriga bandidos que dentre outros delitos foram flagrados tentando burlar a lei fiscal com dólares escondidos nas cuecas.
Não podemos ficar calados diante de fato tão obvio. Nada é tão suficiente quanto o diagnostico da Procuradoria Geral da Republica, para que a presidenta Dilma Vana Rousseff tome a mais coerente das atitudes que a situação pede: EXONERAR O ASSESSOR GENOÍNO!
Qualquer outra atitude configura em desrespeito ao relatório apresentado pelo procurador que do alto de sua independência decidiu após ler, reler e analisar, que o senhor José Genuíno é decididamente parte atuante no assalto comandado pelo ENTÃO MINISTRO CHEFE DA Casa Civil, senhor José Ruela Matador de Prefeitos Dirceu.
Esperamos que dona Dilma Vana, do alto de sua clarividência e consciência pública, decida pelo afastamento do senhor José Genuíno. Fato que certamente mostrará ao país, sua independência em relação ao “CPDP”, COMANDO PETRALHA QUE DESTROI O PAIS.
Esperemos, MILAGRES acontecem, e vamos torcer para que realmente a Procuradoria geral da República seja realmente independente e que tenha suas conclusões respeitadas pelo executivo. Assim reza a LEI.
E no maravilhoso mundo de BOB, a roubalheira continua!

sexta-feira, julho 01, 2011

PÃO DE AÇÚCAR É LUGAR DE GENTE FELIZ

Por Nélio Roças
   
O BNDES resolve à luz do dia, e sem o menor pudor, aportar R$ 4 bilhões para promover a fusão entre as empresas Pão de Açúcar e Carrefour. Mais uma vez o modelo fascista do governo PETRALHA, que opera a distribuir benesses em troca de favores, apresenta suas garras. Nada disso está sendo feito em defesa da DITA nacionalização ou do suposto prestígio a uma empresa brasileira. Tão pouco visa uma pressuposta defesa do consumidor brasileiro. Tal engenharia econômica visa apenas criar mais uma fonte de futuras “consultorias”. Sabe-se lá agora quem será o “SANITARISTA” contemplado com tal SERVICINHO, que certamente permitirá a emissão de alguns milhões de reais em notas fiscais por serviços que certamente não serão prestados. Tudo isso se torna mais audacioso na medida em que dentre os envolvidos em tal transação aparecem duas empresas francesas, que disputam a unhas e dentes a participação no já exorbitante capital acumulado pelo Sr. Abílio Diniz. Tal rompante nacionalista do governo PETRALHA de dona Dilma Vana Rousseff servirá única e exclusivamente para uma brincadeira de acionistas.



Como bem lembra o economista Carlos Lessa ex-presidente do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) em matéria publicada no dia 30/06/2011 pela Terra Magazine, e assinada pela jornalista Dayanne Sousa, toda essa engenhoca financeira montada serve apenas para “que o doutor Abílio brinque de trocar de um francês pra outro! É claro que quando ele joga pro Carrefour, ele tem um ganho enorme. O BNDES está fazendo uma operação gigantesca só pra o doutor Abílio Diniz ficar mais rico”.
Em tempo; a função do BNDES por estatuto e normatização é:
“Apoiar projetos que contribuam para o crescimento do país, de forma conjugada à geração de emprego e renda e em harmonia com as melhores práticas da sustentabilidade. O BNDES oferece linhas de crédito permanentes, programas com finalidades mais específicas, operações em fundos de investimentos e outros mecanismos de apoio. São, enfim, muitas as opções para que a sua empresa tenha plenas condições de realizar grandes projetos em prol do desenvolvimento”.
Decididamente devemos admitir que somos IDIOTAS, e o pior, que somos incapazes de fazer valer simples atribuições de empresas que nos pertencem. Somos o dono dessa MERDA de país e estamos em completo estado de catatonia, assistindo essa quadrilha a subtrair de todas as fontes, nossas talvez remotas possibilidades de progresso e prosperidade.
                                     E NÓS...
Insisto no que venho defendendo, há algum tempo, e garanto que do alto de minha sobriedade e abstinência (diferentemente de certo animal que fez algo parecido, aos berros e embriagado em um comício em Santa Catarina):
Acabamos com o PT ou o PT acaba com o Brasil. Temos que EXTIRPAR o PT da política de nosso Brasil. E tem que ser para Já. Passou da hora.

quinta-feira, junho 30, 2011

BANCO DO BRASIL. ABUSO E CRIME...

 Por Paula Rita Mesquita de Carvalho

Os bancos, nesse caso (porque foi comigo) o BANCO DO BRASIL, cometem verdadeiros crimes contra seus correntistas DESRESPEITANDO suas contas-correntes e sem suas autorizações DEBITAM valores para pagamentos de empréstimos e cartões de crédito. Ferindo frontalmente o disposto na Constituição Federal, no Código de Processo Civil e nas Resoluções do Banco Central (abaixo detalhadas).
Comigo aconteceu no último dia 21 de junho de 2011. Recebo proventos da Justiça Federal sempre entre os dias 20 e 22 de cada mês e possuo A MESMA conta há 23 anos (conta-salário) para isso. Quando recebi meu o pagamento deste mês, dia 21, NO MESMO DIA o banco debitou da minha conta para PAGAR FATURA DO CARTÃO DE CRÉDITO mais de R$ 1.500,00 sem, contudo, eu ter autorizado esse débito. E, mais: além de ter sido uma operação sem autorização, eles ADIANTARAM o vencimento, pagando no dia 21 pois o vencimento das faturas do cartão acontecem nos dias 28 de cada mês. Um absurdo total! Totalmente ilegal.
Fui à agência, na Barra, e falei com o Gerente Geral (que conheço há mais de 20 anos), desde que ele começou sua carreira no banco, no então posto de atendimento (hoje uma agência) dentro do prédio da Justiça Federal sito à Av. Rio Branco, 241. Para espanto meu, o gerente assumiu a responsabilidade, dizendo que ele mesmo tinha mandado uma gerente subordinada sua fazer aquele débito a título de "me proteger do Serasa" (????).
Como ele não possui procuração minha para decidir NADA por minha vida, chegando até a ser cômica a sua interpretação 'teatral' para me comover, porque no fundo sabia que cometera uma ilegalidade, pedi então que imediatamente fizesse o estorno da quantia PENHORADA INDEVIDAMENTE do meu salário; porque no Brasil salário é IMPENHORÁVEL (Art. 649, IV do CPC e 7, X, da Constituição Federal e, ainda, as Resoluções 3402 e 3424 do BACEN). Todavia, ele se recusou peremptoriamente. E gritou comigo, agressivamente, dizendo que não iria estornar NADA! E, ainda, que tinha sido "meu amigo" porque havia me "ajudado" a "conseguir" um empréstimo (???). Como ajudado? Esse empréstimo foi CONSIGNADO pela folha de pagamento da Justiça Federal em março deste ano e eu NEM SABIA QUE ESSE GERENTE HAVIA ASSUMIDO COMO GERENTE GERAL DA AGÊNCIA DA BARRA DESDE FEVEREIRO!! Ou seja: ele já estava lá desde fevereiro, mas NUNCA se anunciou para mim (contrariamente ao seu comportamento de ontem que como lobo em pele de cordeiro queria 'mostrar' que era um 'velho' amigo de mais de 20 anos). Ah, é bom esclarecer que esse empréstimo que ele 'diz' ter me ajudado a 'conseguir' - que é CONSIGNADO - é a MAIS SEGURA FORMA DE EMPRÉSTIMO NO BRASIL pois sai DIRETO da fonte pagadora para o credor. Que "favor" esse senhor havia me feito? Essa foi meramente mais uma OPERAÇÃO de MERCADO, onde o BANCO VENDE UM PRODUTO e o CORRENTISTA COMPRA (se quiser e normalmente quer pois a oferta de crédito é moldada a seduzir os consumidores; basta ver as recentes pesquisas que falam sobre o endividamento dos brasileiros no último ano) A JUROS ALTÍSSIMOS.
Bem, diante da assertiva negativa do gerente em corrigir um erro ABSURDO e TOTALMENTE ILEGAL cometido por ele próprio e confessado a mim, entreguei, então, uma carta (que já havia levado na bolsa para o caso de não conseguir êxito na conversa amigável; até porque já conheço o modus operandi dessas instituições financeiras e seguro morreu de velho) em duas vias, trazendo comigo uma cópia com recibo carimbado por ele e fui diretamente à Delegacia de Policia 16a.-DP para registrar a ocorrência n. 016-06254/2011 e na segunda-feira vou entrar com ação judicial cabível contra o Gerente Geral da Ag. 2909-2, Barra Shopping, Banco do Brasil e contra o Banco do Brasil S.A (já falei com meus advogados que acompanharam todo o desenrolar desse episódio), cobrando o estorno DEVIDO PELO BANCO e as perdas e os enormes danos morais que me foram causados .

Ontem mesmo já encaminhei sugestão de pauta a diversos órgãos de imprensa escrita e televisada, divulgando o caso com o objetivo de ajudar outras tantas pessoas que CERTAMENTE devem ser vítimas desse tipo de ABUSO DE AUTORIDADE por falta de conhecimento de seus direitos.

Se você se identificou com essa história ou conhece alguém que passou por isso, ajude a divulgar. Quando as pessoas exercem sua cidadania os achacadores do poder RECUAM!!!


ABAIXO COPIA DO DOCUMENTO ENVIADO AO BANCO , COM DEVIDA RECLAMAÇÃO!


sábado, junho 18, 2011

A INÉRCIA NOSSA DE CADA DIA

Por Ana Paula Paiva
Há seis anos, Portugal, elegia o socialista José Sócrates para o cargo de primeiro-ministro. Seis anos depois, o País, a caminho da bancarrota, despedia aquele que foi eleito como o “salvador da pátria". Sem um governo, Portugal teve dificuldade em assumir compromissos de política credível em troca de financiamento. Sendo assim, a crise política conduziu o País para "os braços da ajuda externa." O Fundo Monetário Internacional (FMI) chegou à carteira do povo com o seu pacote de austeridade. O autoritarismo condena à morte qualquer “esquerda” que a ele se queira submeter e obriga a direita a ocultar as suas intenções sob uma retórica justicialista ou nacionalista. Em um ambiente de crise política, o país foi às urnas antecipadamente escolher um novo rumo para Portugal. A esquizofrenia gastadora, de sucessivos governantes, colocou em xeque a estabilidade econômica do xadrez português. É do conhecimento de todos que o voto em Portugal é facultativo. No passado dia 5 de Junho, o povo elegeu Pedro Passos Coelho (PSD) para ser o novo primeiro-ministro. A "direita" voltou ao comando do País. Querelas ditas, vamos ao X da questão. Como já disse, anteriormente, em Portugal o voto é facultativo. Um boicote, geral, seria de grande valia. Contudo, no dia 5 de Junho tivemos 148 mil votos em branco e 75 mil nulos. Não aconteceu aquele boicote que esperávamos. Entretanto, mais de duzentas mil pessoas saíram das suas casas e disseram NÃO a farsa eleitoral que se instaurou no País. Estamos a falar de um País de pouco mais de onze milhões de habitantes, que faz parte da União Europeia, e que não vive em uma eterna Corrupção. Como é possível um País como o Brasil, onde milhões (mais de 16 milhões) de pessoas vivem no limiar da pobreza, reeleger aquele partido, Partido dos Trabalhadores, que dizia mal de tudo e todos, e que uma vez no poder fez pior que seus antecessores? É surreal!   

Temos a maior carga tributária do planeta, uma taxa SELIC superior a 10,5% de juros.O ICMS, o caos maior, tem 27 legislações diferentes, inúmeros regimes tributários, alíquotas incontáveis e confusas regras. E a sociedade, na sua letargia, não se manifesta. Não diz não aos picaretas engravatados. Não podemos contar com a dita oposição, pois essa gente está a marcar posição. É a modalidade em plástico da política espectáculo.
Em Portugal, duzentas mil pessoas anularam o seu voto - lembre-se, em Portugal o voto é facultativo -. Essa gente que saiu de casa e anulou o seu voto valoriza a democracia e, escolheu não escolher. Já no Brasil, entre a barbárie da oligarquia nordestina de Sarney e Collor, e a civilização de democratas, Itamar Franco e Fernando Henrique Cardoso; O povo escolheu a primeira opção. A vitória obtida nas urnas por Dilma Rousseff parece que absolveu os pecados do desgoverno petista, que não foram poucos. E a inércia do povo para com a política nossa de cada dia continua.
Os ciclos políticos tornam-se cada vez mais curtos. Isto é aquilo a que deveremos talvez chamar de ingovernabilidade.

terça-feira, junho 14, 2011

ACABAMOS COM O PT OU O PT ACABA COM O BRASIL

Por Myrian Elizabeth Dauer

O movimento “MARCHA PELA ÉTICA” já está atrasado, há anos deveríamos ter  tido essa iniciativa! A apatia que tem tomado conta do povo brasileiro é escandalosa!
Li alguns comentários depreciatórios em postagens no perfíl da Marcha pela ética no Facebook e observei certo olhar torto contra o fato de serem donas de casa, e até algumas pessoas de tendencia direitista a organizarem o movimento. É até engraçado, mas a exacerbação das críticas é que inviabiliza o diálogo. Independente de o movimento ser apartidário, ele tem orientação e ora, ser de direita no Brasil atualmente é um opróbio… mas por quê? Não entendo! É uma opção como qualquer outra! A direita é democrática sim, tanto quanto qualquer outra ORIENTAÇÃO política!
Quanto a estarem dirigidas mais fortemente suas manifestações contrárias ao governo atual e anterior, deve-se ao fato de os mesmos terem atingido uma escalada de corrupção nunca antes vista por aqui!  Já havia corrupção antes? Claro que havia, mas havia também a INDIGNAÇÃO! Quem não se lembra de Mario Covas na CPI dos anões? Quem não se lembra do impeachment do Collor? Dos deputados cassados que nem podiam sair na rua? O Maluf foi preso! Até mesmo José Dirceu levou o dele e ficou de molho um tempo! Hoje em dia não se vê mais isso! A Erenice e o Palocci estão aí, pimpões, comparecendo a cerimônias como se nada houvesse acontecido! Convenhamos que aí fica difícil né?
Mesmo petistas de quatro costados têm abandonado o partido, indignados com a associação a figuras sabidamente corruptas da república! Vejam os partidos dissidentes inclusive! Não acende uma luzinha na cabeça? Não toca um alarme?
Eu já votei no PT, mas agora é óbvio que a turma se entusiasmou com tanta grana e poder e o caldo entornou! Pessoas desonestas, pervertedoras e amorais é que conduzem agora sob a eterna ameaça da perda do poder, de cargos e de mordomias. O ex- presidente Lula é um deles. Perdeu totalmente a compostura, escapou a terceira e agora viaja literalmente na maionese! Meu honestíssimo avô, operário metalúrgico da Ford se envergonharia até à medula com um comportamento desses vindo de um colega! E já que estou no passado, repetiria a minha avó: quem nunca comeu melado, quando come se lambuza! O PT está lambuzado até a alma!
Sem negar a corrupção passada, precisamos sim protestar contra a baixaria que tomou conta do Brasil! Se isso for uma iniciativa de donas de casa, com algum estudo e direitistas, melhor ainda! Somos mães e queremos um país decente para nossos filhos! Se maridos e filhos estão inapetentes para isso, então iremos nós! O caso é que alguém tem que ir! Alguém tem que começar! Essa gente precisa compreeender que não aceitamos mais isso! Estão destruindo o Brasil, nos dividindo, nos indispondo, educando mal nossos filhos, malbaratando nosso dinheiro, que nos arrancam em impostos escorchantes! Nosso povo morre sob o domínio das drogas e nas mãos de assaltantes armados,  porque nossas fronteiras são a última preocupação do governo, morre em filas de postos de saúde! Espera meses por uma perícia médica! Sobrevive de esmolas enquanto políticos corruptos dão nababescas festas de casamento para filhas! Chega! Alguém tem mesmo que dizer BASTA! Se há uma oposição ACOVARDADA no Brasil, então sairemos às ruas para gritar “ACABOU PARA VOCES SENHORES NEFASTOS”!
"Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história. É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma....É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida...." (Fernando Pessoa)..

“Temos que extirpar o PT da política brasileira”  Nélio Roças

(Concordando com a radical sugestão de um politico embriagado e aos berros, que há alguns meses referia-se a outro partido politico).

Camisa do PT para 2014, caso resista a nossa FÚRIA
  

segunda-feira, junho 06, 2011

BRASIL, UM ESGOTO A CÉU ABERTO

Por WALTHER ANTONIO DIOGO
Talvez os leitores deste blog estranhem o titulo usado por este leitor:
”BRASIL, UM ESGOTO A CÉU ABERTO”.
Porém esta é a triste situação da politica brasileira e dos nossos representantes eleitos pelo povo, e nos quais depositamos toda confiança e esperança. Os anseios dos mais necessitados parecem estar longe de se concretizarem.
Surge nesse semestre inicial de governo Dilma mais um escândalo. O ministro chefe da Casa Civil Antônio Palocci que multiplicou seu patrimônio do dia para noite, e até momento o governo esta escondendo a sujeira embaixo do tapete, e tem a conivência do Senado, bem como da câmara dos deputados, com o aval do ex-presidente Lula, que teve a ousadia de ir a Brasília pedir apoio aos lideres partidários ao ministro.

O mar de lama não para, e como uma doença contagiosa se alastra. Recentemente o ex-governador do Distrito Federal teve sua filha flagrada e envolvida num esquema de corrupção, mas como sempre, responde o processo em liberdade.

Adversários políticos na última eleição, Lula, cabo eleitoral da eleita presidente Dilma Rousseff, Geraldo Alckmim PSDB (que os funcionários públicos do estado conhecem e muito bem) e Gilberto Kassab(dono do PSD), prefeito da capital, juntamente com o presidente intocável da CBF Ricardo Teixeira, também envolvido em corrupção num escândalo de gigantescas dimensões com o recém-eleito presidente da FIFA Joseph Blatter, também suspeito de favorecer países sedes em copa do mundo, com total apoio do governo federal, estão unidos na construção do estádio do Corinthians em Pirituba, com um orçamento de um bilhão de reais. Com certeza, será usado e abusado o dinheiro publico.

O presidente atual da assembleia legislativa de São Paulo, José Antonio Barros Munhoz (PSDB), que foi reeleito, também é suspeito de esquema ilícito na sua passagem e administração na prefeitura da sua cidade natal, mas até o momento, nenhuma tentativa de CPI foi instaurada. Nos municipais a coisa não é diferente, a corrupção atingiu a prefeitura de Campinas, e uma cidade que não me recordo na região do ABC, onde o presidente da câmara e outros vereadores envolvidos tinham um esquema de desvio de verbas, foram presos, mais já estão soltos. Até o prefeito da vizinha cidade Araçoiaba da Serra com suposto envolvimento em esquemas fraudulentos, mas continua no poder, não esquecendo dos nossos vereadores, que tentaram dobrar seus salários, mas não venceram a opinião publica, e queriam também ter mais um assessor a sua disposição, assunto este que vai voltar em pauta em discussão brevemente.

Neste espaço democrático dado aos leitores nas suas opiniões diversas, tem críticos, bem como jornalistas que vestem de corpo e alma a camisa do PSDB, que tem como presidente de honra o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, que tem nada menos do que três ou mais aposentadorias, mesmo com elevado nível de cultura, infelizmente entrou para a história do nosso país, no seu modo de desenvolver sua administração privatista e elitista, e agora defende e carrega a bandeira até com orgulho na luta pela liberação da maconha, alegando que na sua juventude foi usuário desta droga, que é considerada primária, mas é um trampolim fácil para as drogas químicas ou acidas, como a cocaína, LSD, opio e o crack... Que belo exemplo, diga-se de passagem, deixa para seus netos e não muito distante seus bisnetos, querendo que o nosso país tome o mesmo caminho e rumo da Holanda ou Noruega, onde a droga é liberada e o vicio se alastra entre os adolescentes em proporções assustadoras. O governo gasta milhões com programas de recuperação, podemos citar como exemplo no nosso estado a cracolândia no bairro da Luz, próximo a estação Júlio Prestes na capital.

Deixo uma pergunta aos simpatizantes do PSDB:

O que o governo do estado de São Paulo fez nestes 16 anos de sua administração, no estado que mais arrecada com o IPVA, o mais caro da federação?

O Brasil é um esgoto "A CÉU ABERTO", como o saneamento básico na região Norte do país. Esgoto que encoberta a corrupção e impunidade, a latrina ou esgoto com sua fedentina e seus excrementos, para não falar outras coisas. Assim podemos classificar a politica e os políticos do nosso Brasil. Suas blindagens, e seus corporativismos indecentes. O sarcasmo é de dar inveja a Super-Homem; Homem-Aranha, Homem de Ferro e até o Hulk.

Para não generalizar, existem uns poucos que ainda prestam, mais com raras exceções.

(WALTHER ANTONIO DIOGO É POLICIAL MILITAR APOSENTADO DO ESTADO DE SÃO PAULO)

sábado, junho 04, 2011

SOS BOMBEIROS.. SOS PARA O RIO DE JANEIRO...

Por Eliana Araújo
Sugiro que dêem uma olhada nos telejornais e jornais nesta manhã de sábado e tirem suas conclusões. Fatos inusitados e diria históricos acabam de acontecer e certamente repercutirão ao longo de todo o governo do Exmo. Sr. Governador Sérgio Cabral, a meu juízo, por absoluta falta de negociação e insensibilidade por parte das autoridades constituídas neste estado, entre eles o Secretário Sérgio Cortes.
Lembram das manifestações dos Bombeiros militares por melhores salários e melhores condições de trabalho há cerca de 15 dias atrás? Pois bem, a situação piorou e muito com consequências ainda desconhecidas para toda a população, pois afinal o corpo de Bombeiros prestam um serviço essencial.
Como deve ser de conhecimento de todos, ocorreram desde ontem à tarde na cidade, uma reunião entre o comando do movimento dos bombeiros, deputados e representantes do governo na ALERJ, mas as negociações fracassaram.
Em protesto, um grupo de manifestantes, dirigiu-se à Praça da República com a intenção de ocupar o quartel Central do Corpo de Bombeiros. Ontem por voltas das 19 h de sexta -feira, cheguei a assistir parte da manifestação pacífica que percorria o trajeto entre a ALERJ e a Praça da República, formada por mais de 2.000 manifestantes, incluindo-se familiares de bombeiros.
Cheguei a me dirigir a um deles para saber qual teriam sido o resultado da reunião na ALERJ e tive como resposta que eles não foram atendidos e iriam paralisar todos os serviços.
O saldo ainda é desconhecido, mas já soube que houve uma "insólita" retomada dos quartel invadido pelos homens do BOPE, ( POLÍCIA X BOMBEIROS ), com o emprego de bombas de efeito moral e até disparos de armas de fogo. Não houve resistência, mas há relatos de feridos entre os familiares dos bombeiros, inclusive mulheres e crianças que foram levados aos hospitais próximos e a prisão de mais de 1000 manifestantes! !! Graças a Deus, sem vítimas graves ...
Aconselho a todos nos próximos dias a evitarem ao máximo se exporem a situações de risco...pois no que depender de algum possível resgate ou salvamento, dificilmente seremos atendidos, boa parte dos bombeiros do Estado estão presos...
E isto no segundo estado da federação, exatamente na cidade, escolhida para sediar uma Copa de Mundo e Jogos Olímpicos...que paga um dos piores salários do Brasil aos seus servidores...
                Que governo! Que vergonha! Que papelão!

"Se cada um for invencível, não haverá problemas sem solução. Quando tivermos este espírito, o nosso potencial aumentará ainda mais e nenhum objetivo ficará sem ser concretizado. Todos os problemas terão solução, todos os sofrimentos serão transformados em felicidade." (Daisaku Ikeda).

quinta-feira, junho 02, 2011

EU QUERO MEU BRASIL DE VOLTA!

Por Carla Pola
Passei 22 anos da minha vida em sala de aula. Comecei a lecionar nos anos 80 ainda menina e quando a educação ainda era tradicional. Com a abertura, através da Anistia, as metodologias a La Paulo gramcista Freire começaram a tomar conta das escolas. Aí começa o processo de jumentalização de crianças e jovens.
Todas essas metodologias de sócio-interacionismo, construtivismo e outras bobagens mais, aos poucos tiraram a autoridade do professor, pois como dizem esses cretinos que pensam que sabem educar, o professor era uma forma autoritária de imposição de aprendizagem aos alunos. Pode? Mas é isso aí. O professor na visão desses pseudo-educadores deveria ser só um meio pelo qual o aluno buscasse a aprendizagem.
Esse pessoal simplesmente estava enfiando essas barbaridades goela abaixo de uma classe que nunca foi unida a fim de jumentalizar as crianças pelo método Paulo gramcista Freire de ser. Ou seja, criando analfabetos funcionais no futuro. Muitos professores, como eu, resistimos, porém outros foram se aposentando. Mesmo assim, jamais abri mão da educação tradicional e formal. Isso gerou uma bela depressão com o passar dos anos. Professor comprometido com a educação é assim. Ou tem depressão, ou problema de coração, câncer; pois atualmente os jumentos formados nas universidades que não sabem nem a disciplina que ministram, dominam a Educação brasileira como um todo.
O maior jumentalizador (termo que pego emprestado do meu amigo @Lufvaz) atual é o Ministro da Educação Fernando Haddad. Essa criatura que ainda canta em prosa e verso as benesses do stalinismo. Hoje mal começo a ler as notícias e me deparo com essa pérola desse inútil e imprestável ministro:
“Há uma diferença entre o Hitler e o Stálin que precisa ser devidamente registrada. Ambos fuzilavam seus inimigos, mas o Stálin lia os livros antes de fuzilá-los. Essa é a grande diferença. Estamos vivendo, portanto, uma pequena involução, estamos saindo de uma situação stalinista e agora adotando uma postura mais de viés fascista, que é criticar um livro sem ler”.
Já não basta esse estúpido ter destruído o ENEM? E agora ainda quer responsabilizar os alunos pela sua incompetência nas provas deste ano? Já não basta querer enfiar goela abaixo o tal “kit-gay” que fariam crianças de 11 anos assistirem vídeos ordinários, feitos por ONGs mais ordinárias ainda que nada entendem de Educação? São militantes intolerantes e querem que todo mundo vire gay na marra!
Fora filmes como O Segredo de Brokeback Mountain! Para crianças de 11 anos?! Essa raça¹³ perversa perdeu a noção das coisas?
Como esse vigarista intelectual vem dizer que Stalin era melhor que Hitler porque lia os livros dos seus inimigos antes de fuzilá-los? Tanto um, como outro eram dois ditadores assassinos. Se for levar a cabo, Stalin ainda matou muito mais que Hitler, o que não quer dizer, obviamente que não fosse um verme histórico da mesma estirpe. Quer dizer que por que Stalin lia os livros ele era mais “humanitário” seu vigarista?
Pois fique sabendo seu pseudo-intelectual de uma figa, que nem uma dissertação de mestrado soube fazer, que as crianças têm que aprender sim: A LER e INTERPRETAR, saber a TABUADA DE COR E SALTEADO, FAZER MAPAS, CONHECER DE TRÁS PRA FRENTE OS ESTADOS BRASILEIROS E SUAS RESPECTIVAS CAPITAIS, REGIÕES; CONHECER AS DUAS DIVISÕES DA AMÉRICA (FÍSICA E PELA LÍNGUA) ENTRE MUITAS OUTRAS. ENTENDEU?
Ninguém normal precisa de kit isso ou aquilo para definir sua sexualidade, isso não se aprende na escola. Escola é para tirar o aluno da ignorância e não afundá-lo mais nela. A linguagem formal, Haddad, dá liberdade e nunca será preconceito elitista, seu manipulador barato!
Ora! Desde quando a concordância é elitista? O correto é: OS LIVROS e não OS LIVRO. Escreva você assim, já que gosta tanto de analfabetismo. Sua dissertação de mestrado mostra que você não tem capacidade nem de pesquisa e muito menos de observação.
Senhor Haddad, o senhor é um insulto aos EDUCADORES de verdade como eu, uma vergonha total, um incompetente, um comunista imbecil que não conseguiu ver que o comunismo caiu de podre. Nem a história você conhece! Sabia que Stalin preservava a língua russa? Se você estivesse lá no tempo dele como ministro da educação seria fuzilado e sem churumelas. Sabia disso?
Pois, eu como Educadora que morrerei sendo, grito bem alto: FORA HADDAD! Você é uma vergonha total! Uma criatura repugnante! Jamais alguém como você deveria ter uma pasta como a EDUCAÇÃO nas mãos!        
'“Fizemos a revolução, mas preservamos a bela língua russa’.” Stalin
            Viu como seu mestre iria fuzilá-lo seu analfabeto histórico?
            EU QUERO MEU BRASIL DE VOLTA!  FORA HADDAD!